Pela 1ª vez Tasso Jereissati admite que não disputará reeleição ao Senado em 2022

Foto: PSDB/Divulgação

Nesta terça-feira (14), o senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) admitiu pela primeira vez que não pretende disputar reeleição para o Senado nas eleições de 2022.

“Não vou disputar. Estou com 72 anos, quero ficar com minha família, com meus netos. Tem uma hora que a gente tem que parar”, disse o tucano à coluna do jornalista Igor Gadelha, do Metrópoles.

Tasso vinha se apresentado como pré-candidato nas prévias em que o PSDB escolherá o candidato do partido à Presidência da República, marcadas para 21 de novembro. Em 2022, Tasso encerrará seu segundo mandato no Senado. O tucano foi por três vezes governador do Ceará.

Nos bastidores, a expectativa é que Tasso desista da disputa e apoie o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB). Outros nomes apontados como candidatos pelo PSDB são do governador de São Paulo, João Doria e de Arthur Virgílio, governador do Rio Grande do Sul e ex-prefeito de Manaus.

Kátia Alves
Kátia Alves
Jornalista formada pela UniFanor, atua desde 2006 na área da comunicação. Também tem formação em Letras pela UECE e MBA em Gerência de Marketing pela Unichristus. Tem experiência em produção de telejornal e assessoria de comunicação. É revisora e redatora em uma agência de marketing e redatora do MÍDIA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS
error: Conteúdo protegido por Direitos Autorais.