Hemoce lança nova campanha de incentivo à doação de sangue

Foto: Holanda Júnior

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará (Hemoce), equipamento vinculado à Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) lançou nesta quarta-feira (9), uma nova campanha de sensibilização para estimular a população a doar sangue. A campanha é em alusão ao “Junho Vermelho”, um movimento nacional para aumentar o número de doações e em reconhecimento ao Dia Mundial do Doador, celebrado no dia 14 de junho.

A campanha, que tem como tema “Tudo Começa Quando Você Estende a Mão”, é uma referência ao gesto de estender o braço para a solidariedade. Desenvolvida pelo Instituto Pró-Hemoce, as peças ilustrativas serão trabalhadas em redes sociais, cartazes, banners e adesivos, e divulgada em todo o Estado.

O Hemoce conta com o apoio de vários parceiros, como os shoppings, que voluntariamente cederam espaços de divulgação nas áreas comuns dos centros comerciais. “Aqueles que não puderem doar, podem se mobilizar de outras formas, pois quanto mais a sociedade se envolve incentivando e apoiando o gesto de solidariedade, mais temos chances de conscientizar as pessoas para doar. Assim, vamos construindo uma rede de solidariedade”, conta Nágela Lima, coordenadora da Captação de Doadores do Hemoce.

Durante todo o mês de junho, uma programação com lives temáticas será realizada nos canais de comunicação do Hemocentro. “Nós vamos esclarecer alguns mitos e verdades sobre a doação, conversar com profissionais da saúde que realizam transfusão para contar como é a rotina nas unidades e vamos ouvir também depoimentos de pessoas que tiveram a vida salva por meio da solidariedade ao receber a doação de sangue”, pontua Nágela.

De acordo com ela, cerca de 90 % das doações recebidas nas unidades do Hemoce são do tipo doação voluntária, ou seja, aquela que é feita sem nenhum tipo de motivação para alguém conhecido. “O voluntariado é fundamental no processo da doação, pois o sangue coletado ficará disponível para qualquer pessoa que venha a precisar de transfusão e para que os estoques estejam abastecidos. No momento de utilização do hemocomponente, é necessário que a doação tenha acontecido com pelo menos 48h de antecedência”, explica.

Kátia Alves
Kátia Alves
Jornalista formada pela UniFanor, atua desde 2006 na área da comunicação. Também tem formação em Letras pela UECE e MBA em Gerência de Marketing pela Unichristus. Tem experiência em produção de telejornal e assessoria de comunicação. É revisora e redatora em uma agência de marketing e redatora do MÍDIA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

ÚLTIMAS
error: Conteúdo protegido por Direitos Autorais.